Home
Palestra
Fotos
Publicidade
Notícias
Contato
Notícias

Bom golfe e social intenso no 37º Torneio Aberto do Lago Azul Golfe Clube

Lago Azul Golfe Clube - div.

Araçoiaba da Serra SP (GOLFEMPRESAS) - Guilherme Grinberg foi o campeão do 37º Torneio Aberto Masculino e Feminino.

(ver resultados completos ao pé da matéria)

O Aberto do Lago Azul teve intensa programação social, a começar pela inauguração da Golfy Shop, na sexta-feira, dia de treino.

Foi servido café da manhã nos dois dias de jogos, além de um almoço à La Carte no sábado, com open bar de chopp, caipirinha, cachaça Cabaré Don Tápparo e show; à feijoada com leitão à pururuca do domingo, além serem oferecidas massagens esportiva e de relaxamento durante o evento. Após a premiação houve sorteio de brindes.

O 37º Torneio Aberto Masculino e Feminino do Lago Azul Golfe Clube teve patrocínio Master de Compre Casa em Orlando e Casa dos Artistas; patrocínio Prata de AG Velasco Construtora e Incorporadora; patrocínio Bronze de Paraná Banco.

Também patrocínios de Colégio Uirapuru, Naschold Elementos de Fixação, Grupo Isa Alumínio, Golfy Shop, CSDS Advogados e Camiseiro, além de apoios de Cord, Dom Tapparo e Itaipava Go Draft.

A organização foi do Lago Azul Golfe Clube e da Federação Paulista de Golfe.


O juvenil Guilherme Grinberg, do São Paulo GC, venceu de ponta a ponta o 47º Torneio Aberto Masculino e Feminino do Lago Azul Golfe Clube, disputado neste final de semana, dias 9 e 10 de dezembro, em Araçoiaba da Serra (SP).

Para Guilherme a conquista teve um significado especial pois, apesar de ter mudado de clube, foi a sua primeira no maior torneio do clube que o revelou.

Ele repete assim o feito de sua irmã, Lauren, hoje jogando na Barry University, nos EUA, que ainda defende o Lago Azul quando joga no Brasil e também já venceu o aberto não uma, mas três vezes seguidas.

O torneio válido para os rankings da Federação Paulista de Golfe (FPG) teve uma interrupção na rodada final, por causa de uma chuva forte, mas terminou sem transtornos.

Guiherme foi campeão com 149 (74-75) tacadas, contra 162 (81-81) de Pedro Gabriel Gatti, do Lago Azul, o vice-campeão. Já na classificação por handicaps índex até 8,5, o campeão foi Emerson Godinho, do Vista Verde, com 149 (72-77) tacadas, seguido por Lucas Gabriel, do Lago Azul, com 165 (78-87), e por Rafael Kulb Benadiba, do São Fernando, com 170 (86-84).

Na 8,6 a 14, Luiz Recchia, do Sapezal, foi campeão com 147 (73-74) tacadas, seguido por dois golfistas do Terras de São José Golfe Clube, de Itu: Lucas Menezes, vice com 148 (76-72) tacadas, mesmo total de Laurent Morcrette (73-75), que ficou em terceiro pelos critérios de desempate.

Na 14,1 a 19,4, dobradinha do Lago Azul, com Carlos José Marangon campeão com 140 (73-67) tacadas, seguido por Cassius Avena, com 147 (71-76. Mauro Sergio Bayout, do Itanhangá (RJ), ficou em terceiro com 150 (72-78).

E na 19,5 a 25,7, Rodrigo Borges, do Terras de São José, venceu com 135 (70-65) tacadas, seguido por Renato Fonseca, do Lago Azul, com 138 (76-62), e por Serginerio Vanderlinde, do Riacho Grande, com 139 (66-73).

Na categoria stableford venceu Ricardo Siqueira, do Lago Azul, com 71 pontos, no desempate com Mauricio Domingues, do Riacho Grande, e prêmios para os superseniores (75 anos ou mais) com Mituaki Shigueno campeão, com 141 (73-68) tacadas, e Thyrso Ramos Filho vice, com 159 (78-81). Ambos são do Lago Azul.

Feminino – Na categoria feminina de 16,1 a 25,7, dobradinha do Lago Azul: Rosi Aparecida Moreno Soares foi campeã com 149 (74-75) tacadas, seguida por Elaine Frota, com 150 (70-80). Rosangela Maria da Silva, do Poços de Caldas GC, ficou em terceiro, com 157 (81-76).

Houve ainda uma categoria stableford feminina onde Debora Naschold, do Lago Azul, levou o troféu de campeã com 53 pontos.

[ voltar para a homepage ] [ ver todas as notícias ] [ ver próxima notícia ]






Copyright Golf e Negócios 2020   Desenvolvido por InWeb Internet