Home
Palestra
Fotos
Publicidade
Notícias
Contato
Notícias

Primeiro torneio no Riserva Alhandra não é noticia é Historia... GUILLERMO PIERNES

Riserva Alhandra - div.

Primeiro torneio no Riserva Alhandra não é noticia é Historia

Por Guillermo Piernes

João Pessoa (GOLFEMPRESAS) - Riserva Alhandra realizou no sábado 27 de janeiro de 2018 o seu primeiro torneio. Parece uma notícia mas é capitulo histórico.

O golfe paraibano está de parabéns pelo o seu segundo campo e também seu novo e também belo campo em pleno funcionamento.

O primeiro campo paraibano foi o Águas da Serra, em Bananeiras, sete anos atrás, idealizado pelo empreendedor Alário e com desenho e execução de Sebastião Neres, que recentemente contratou o profissional Renato Silva na reformulação do Departamento de Golfe.

È um fato histórico a abertura para torneios do lindo cenário a 35 quilômetros de João Pessoa, e que fica apenas a 45 minutos de carro do tradicional campo de Caxangà na grande Recife, Pernambuco.

Os campos paraibanos estão ligados a Federação Pernambucana de Golfe.

Até aí o factual. Mas golfe é emocão, amizade, encontro e nesse ponto o grupo de golfistas paraibanos está já na categoria scratch.

As vezes pode resultar deselegante citar individuos mas no caso do golfe paraibano seria injusto não admirar e tornar publico o trabalho do reconhecido medico Antonio Aracoeli para o desenvolver o golfe no estado.

Aroaceli è presidente do Águas da Serra, motor do Alhambra, sócio do vizinho pernambucano Caxangá, orienta questões sobre regras, coloca recursos do seu bolsa – e não poucos – para que tudo saia bem.

Dedica o seu valioso tempo para mostrar os avanços do golfe paraibano, seu potencial, com a mesma destreza e amor com que ajuda a salvar e melhorar vidas.

Em nome dos golfistas apaixonados pelo esporte, palmas para os campos paraibanos, seus golfistas, seus herois.

O Summer Alhandra é o primeiro torneio do campo desenhado pelo inglês Paul Thomas, com a contribuição de Alexandre Foss, Artur Melo e praticamente com toda a grama procedente de campo de Bananeiras com o cuidado de Sebastião Neres e outros destacados profissionais.

Foram 27 jogadores que sairam em shot gun em cada um dos nove buracos do cenário enmarcado por exuberante floresta.

Cada um deles participou de um capitulo importante da historia do golfe brasileiro.

Ningúem nem o tempo tirará isso da memoria desses amantes do esporte.


** Guillermo Piernes é palestrante, consultor e escritor. Autor de Liderança e Golfe - O Poder do Jogo na Vida Corporativa. www.guillermopiernes.com.br - piernes@golfempresas.com.br

[ voltar para a homepage ] [ ver todas as notícias ] [ ver próxima notícia ]






Copyright Golf e Negócios 2019   Desenvolvido por InWeb Internet